William Blake

Inglaterra — Poeta/Pintor

28 Nov 1757 // 12 Ago 1827

5 Poemas

Principais Poemas

Uma Imagem Divina

William Blake

A Crueldade tem Humano Coração,

E tem a Intolerância Humano Rosto;

O Terror a Divina Humana Forma,

O Secretismo Humano Traje posto.


O Humano Traje é Ferro forjado,

A Humana ...

Leia mais


O Jardim do Amor

William Blake

O Jardim do Amor fui visitar,

E vi então o que jamais notara:

Lá bem no meio estava uma Capela,

Onde eu no prado correra e brincara.


E os portões ...

Leia mais


A Humana Súmula

William Blake

A Piedade deixaria de existir

Se não fizéssemos nós os Pobres de pedir;

E a Compaixão também acabaria

Se a todos, como nós, feliz chegasse o dia.


E a paz ...

Leia mais


A Imagem Divina

William Blake

Compaixão, Pena, Paz & Amor,

Todos lhes rezam no seu sofrimento;

E a estas virtudes de tanto fulgor

Entregam o seu agradecimento.


Compaixão, Pena, Paz & Amor

É Deus, nosso pai adorado,

Compaixão, Pena, Paz & Amor

É o Homem, seu filho amado.


Tem Compaixão humano coração,

E tem a Pena uma face humana,

Amor, a forma divina de eleição

E a Paz, o traje que irmana.


Todo o homem, em todo o clima,

Que, com dor, reza como é capaz,

Reza à forma humana divina,

Amor, Compaixão, Pena & Paz.


A humana forma amar é um dever,

Para os ateus, os turcos, os judeus;

Compaixão, Amor & Pena, haja onde houver,

Também é lá que encontrareis ...

Leia mais


Londres

William Blake

Vagueio por estas ruas violadas,

Do violado Tamisa ao derredor,

E noto em todas as faces encontradas

Sinais de fraqueza e sinais de dor.


Em toda a revolta do Homem ...

Leia mais


Mais poemas de William Blake