Boris Vian

França — Escritor/Poeta/Cantor/Músico

10 Mar 1920 // 23 Jun 1959

8 Poemas

Poemas

Não se Casem Raparigas

Boris Vian
Copla 1

Já viram um homem em pêlo
Sair de repente da casa de banho
Escorrendo por todos os pêlos
Com o bigode cheio de pena
Já viram um homem ...

Leia mais


Balada dos Cãotribuintes

Boris Vian
Somos nós os desventurados
Os pobres contribuintes
Obrigados a sofrer até ao fim dos tempos
A sorte a que imper
A que impertubáveis
Nos condenam os nossos governos
Todos os ...

Leia mais


Canção de Charme

Boris Vian
Querida vem junto de mim
Esta noite quero cantar
Uma canção para ti

Uma canção sem lágrimas
Uma canção ligeira
Uma canção de charme

O charme das manhãs
Envolvidas em ...

Leia mais


Se os Poetas Fossem Menos Patetas

Boris Vian
Se os poetas fossem menos patetas
E se fossem menos preguiçosos
Faziam toda a gente feliz
Para poderem tratar em paz
Dos seus sofrimentos literários
Construíam casas amarelas
Com grandes ...

Leia mais


Um Bom Par de Chapadas

Boris Vian
I

Quando se está completamente farto
Quando se esgotou tudo
O vinho o amor as cartas
Quando se perdeu o vício
Das sopas de camarões
Das salsichas de Sarthe
Quando ...

Leia mais


Conselhos a um Amigo

Boris Vian
Amigo se queres
Ser poeta
Sobretudo não armes
Em imbecil
Não escrevas
Canções demasiado estúpidas
Mesmo que as grunhas
Gostem

Não ponhas
O acessório idiota
Nem o sombrero
do México ...

Leia mais


Má Memória

Boris Vian
Copla 1

A cabeça é um órgão curioso
Curiosamente organizado
Basta ver quando nos fazem uma trepanação
Geralmente não é muito fácil
Eis a história singular
De um certo Mathurin ...

Leia mais


Um Poeta

Boris Vian
Um poeta
É um ser único
Em montes de exemplares
Que só pensa em versos.
E só escreve em música
Sobre assuntos diversos
Uns vermelhos outros verdes
Mas sempre magníficos


Leia mais